domingo, 27 de dezembro de 2009

Japonês na Bahia

Minha prima japonesa e seu namorado-quase-noivo estão visitando a Bahia pela primeira vez, vieram do Paraná. Então leveio-os para a feira da cidade para conhecerem e degustarem todas as coisas típicas in natura da região. Coisas que eles nunca ouviram falar: umbu, pequi, pinha, buriti, siriguela, pitomba... Frutas com sabor exótico ou que lembram alguma outra já conhecida. Claro que eles estranharam o sabor de tudo.

Bem, na Bahia não pode faltar a fruta agreste mais popular de todas, o COCO. Muito popular, os olhos puxados saltaram com alegria ao reconhecer, enfim, algo saboroso.

Prima:
- Olha, coco! Quanto custa?

Vendedor 1:
-R$1,00.

Prima:
-Nossa que barato, na praia custa R$3,00. Mas, olha, ali tem uns maiores.

Menos de 3 metros de distância depois.

Prima:
-Quanto está o coco?

Vendedor 2:
-R$0,50

Volto lá no primeiro vendedor, a pedido de uma prima desconfiada, e pergunto o preço para desencargo de consciência. Ele me diz:

-R$ 0,50

A fama de japonês por aqui é de quem tem muito dinheiro. Por via das dúvidas, nós, os locais, vamos na frente e para perguntar.

Mas, às vezes a falta do sotaque (ou excesso) na hora de falar pode confundir os ouvidos, ainda mais com coisas que não são muito comuns no dia-a-dia do baiano do interior.


- Oi, vocês têm champignon?

-Hã?

-Champingon.

-Bolacha Champagne?

-Não, cogumelos.

-O quê?

-Cogumelos! (fazendo gestos com as mãos)

-Ah, tem não.

-E Toddy?

-Fia, olha lá no fundo!

Alguns minutos depois, a moça volta:

-Tem Nescau.

-Ah, tá. Obrigada.

Cinco mercadinhos depois, nos rendemos ao palmito e Nescau e voltamos para casa. Mas, acredito que os convecerei a entrar no cardápio baiano. Nem passamos ainda pelo acarajé, vatapá, mocotó, buchada...

3 comentários:

Carol, Ênio e Leila disse...

E vc só treinando o japonês. rs A mensagem que Leila deixou no blog é "eu desejo a vcs um feliz Natal". rs

André Hebert disse...

Oia quando eu fui pra bahia eu gostei foi do camarão.... fora outras coisinhas rs...

omorikazuyoshi disse...

tem cupuacu ai??
eu adorava suco de cupuacu